Aneel: Consumidor poderá optar por medidor de energia digital ou analógico

03/09/2012 11:22
Aneel: Consumidor vai poder optar por medidor de energia digital ou analógico

A modernização do serviço de energia elétrica prestado ao consumidor residencial e rural deu um importante passo. Pela primeira vez, caberá ao cliente escolher, gratuitamente, o tipo de medidor — analógico ou digital. Se preferir o tradicional, vai continuar da mesma maneira como a medição é feita atualmente. Se optar pelo eletrônico, pagará tarifa diferenciada por horário. Para isso, o cliente deve entrar em contato com a concessionária e pedir a instalação gratuita do aparelho em sua residência. A novidade ainda está em fase de testes, mas deve entrar em funcionamento nos próximos 18 meses, de acordo com a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), publicada no último dia 15. Quem optar pelo medidor eletrônico terá também a opção de pagar por um pacote de informações adicionais, porque o novo aparelho é capaz de fornecer eletricidade e dados da energia que chega às casas. O cliente vai saber quanto tempo ele ficou sem o fornecimento, os valores de tensão e de corrente e o que foi consumido em diferentes horários. Com as informações, será possível analisar, por exemplo, se os 220 volts estão sendo fornecidos corretamente ou se há variação. “As oscilações podem queimar os eletroeletrônicos e os consumidores terão como pedir indenização às concessionárias”, explica André Pepitone da Nóbrega, diretor da Aneel.

 

Informações do Correio Braziliense.

Deixe seu comentário

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário