CAMAÇARI-BA: DURANTE DOIS DIAS, MULHER FOI ESTUPRADA POR CINCO HOMENS ANTES DE SER MORTA; MARIDO TAMBÉM FOI MORTO

11/01/2018 12:07

A mulher de 43 que foi encontrada morta nesta terça-feira (9) no bairro Santo Antonio, em Camaçari, foi estuprada por cinco homens que se revezaram durante dois dias antes de matá-la esganada e incendiada. O marido dela foi morto na sexta-feira (5),  e com o corpo do mesmo ainda dentro da casa, eles a violentaram repetidas vezes até a noite de sábado (6).

Antes de ser morta, Cristina Amaral passou momentos de horrores, pavores inimagináveis a uma pessoa normal. Ela, inocentemente, caiu nas garras da barbárie humana mais terrível dos últimos dias.

O corpo dela foi encontrado enterrado e queimado junto com o do marido Juvenal Amaral Neto, 57 anos, no quintal de sua própria casa, por policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado do Polo - CIPE POLO - que elucidaram o crime e prenderam os cinco envolvidos.

O motivo do crime está sendo computado como mais um ato violento de usuários e traficantes de drogas. Que para roubar, matar, estuprar e incendiar, não tem hora e nem lugar.

Foram presos Daniel Neves Santos Filho, 29 anos, que, segundo a polícia, confessou o crime em parceria com Carlos Alberto Neres Blós Junior, e mais três menores que foram apreendidos. Eles invadiram a casa, dominaram o casal, trancaram o portão e cometeram o terror e as atrocidades diabólicas.

Casa no Bairro Santo Antonio, em Camaçari, por trás dos muros e do portão o terror dominou por dois dias

 

Portal Formosa, seu portal de notícias - Fonte: CN1/Sertão Mania