GRÁVIDA É RAPTADA, AGREDIDA E TEM OLHOS E BOCA COLADOS

14/07/2017 10:06

Uma grávida de 21 anos foi agredida e teve os olhos e boca colados com cola instantânea, em Campina Grande. A vítima deu entrada no Hospital de Emergência e Trauma da cidade na tarde desta terça-feira (11) e passou por procedimentos cirúrgicos. Segundo a Polícia Militar, ela foi raptada por três homens. A mulher está no 8º mês de gestação. Ainda não há informações sobre o estado de saúde do bebê.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima relatou que estava perto de casa, na rua Ângela dos Santos, no bairro Belo Monte, quando três homens que estavam em um carro de cor prata a renderam. A mulher foi levada para um matagal, no mesmo bairro, onde foi agredida com chutes e teve os olhos e boca colados. Não houve relato de violência sexual.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, a vítima não soube informar detalhes sobre o modelo ou placa do carro, nem as características dos suspeitos. A mulher foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Hospital de Trauma.

A Polícia Militar fez buscas, mas nenhum suspeito foi localizado. “As buscas estão difíceis, pois ela não sabe nenhuma característica do carro, além da cor, nem sobre os suspeitos”, explicou o sargento Cândido, do Centro Integrado de Operações da Polícia Militar.

De acordo com a assessoria do Hospital de Trauma, a mulher já recebeu alta, mas vai ter que voltar à unidade hospitalar nesta quarta-feira (12) para retirar cerca de 10% da cola, que ainda ficou nos cílios dela. A cola não comprometeu a visão da grávida.

 

Portal Formosa, seu portal de notícias - Fonte: G1/Canudos Acontece