Ministério Público Eleitoral realiza reunião com as Coligações Partidárias dos Municípios de Abaré, Chorrochó, Macururé e Rodelas.

09/08/2012 23:06

Na manhã desta quinta-feira (9), no Salão do Júri do Fórum Drº. Olinto Lopes Galvão na Cidade de Chorrochó (BA), a Promotora de Justiça Regional e Eleitoral Drª. Luciana Espinheira da Costa Khoury e a Chefe do Cartório Eleitoral da 158ª Zona Eleitoral a Srª Rafaela Conceição Freire Façanha Sampaio, realizaram uma reunião com os representantes das coligações partidárias dos Municípios de Abaré, Chorrochó, Macururé e Rodelas, para o Cumprimento da Legislação Eleitoral nos Municípios da 158ª Zona Eleitoral.

Estiveram presentes nesta reunião:

O Srº José Nilson da Coligação Chorrochó unido para seguir crescendo - Chorrochó;

O Srº Luiz Alberto Filho (Betinho) da Coligação Fazer valer a vontade do povo - Chorrochó;

O Srº João de Isaac da Coligação Chorrochó cada vez melhor - Chorrochó;

O Srº Delísio Oliveira da Coligação Unidos para fazer muito mais - Abaré;

O Srº Afrânio da Coligação a força do povo - Abaré;

A Srª Ione da Coligação a força da mudança - Abaré;

O Srº Hudson da Coligação unidos para o progresso - Macururé:

A Srª Alaíde da Coligação Macururé forte - Macururé;

O Srº Geraldo Wanderley da Coligação unidos pela vontade do povo - Rodelas;

O Srº Luciano Ferraz da Coligação a vitória do povo - Rodelas;

O Srº Geraldo Cileno da Coligação com o povo sempre - Rodelas;

E a imprensa registrada: o Site e a Rádio Líder do Sertão FM de Chorrochó.

A Promotora Eleitoral Drª Luciana da Costa fez a abertura da reunião saudando a todos os presentes e logo foram apresentadas as regras das Eleições, inclusive detalhando sobre as conseqüências para o uso do carro-de-som em volume acima do permitido, fazendo poluição sonora.

Para o crime de poluição sonora:

permite que, com a apreensão do carro, haja o perdimento do bem, ou seja, do carro, pois foi o instrumento do crime, conforme art. 25 da Lei de Crimes ambientais Lei 9.605/96.

Não será, de modo algum, admitido músicas ou campanhas injuriosas ou caluniadoras sobre candidatos. Por ser crime terá o carro apreendido.
A Promotora ainda informou que os carros de som devem respeitar a altura do som com o permitido de 80 decibéis durante o dia e 70 decibéis a noite. Drª Luciana fará uma reunião com a Polícia Militar onde será repassado os acordos feitos pelas coligações e a Polícia Militar fará a fiscalização e o cumprimento da Lei.
 

Chorrochó:

Está cumprindo o acordo, as três coligações entendem que está sendo cumprido o acordo, os representantes deram esse depoimento.

O único problema é com os carros particulares nos distritos e povoados passando com carros de som, inclusive com músicas de campanha até altas horas além do permitido. Ficou acordado que a propaganda será feita com a Coligação nos povoados no mesmo dia que tiver na sede.

Abaré:

Foi feito acordo entre duas coligações, mas a Força do Povo não assinou o acordo.

Segundo o representante Delísio Oliveira, afirmou ter problemas com a coligação que não assinou o acordo e então está ruim principalmente nos povoados. Segundo o mesmo, tem carro-de-som fazendo propaganda contra o prefeito que não é candidato, trouxe hoje a informação formalmente à promotoria de justiça. Também registrou que o carro-de-som da Força do Povo está passando do horário, com altura além da permitida por lei.

O representante da Força do Povo disse que ainda hoje viu dois carro-de-som das coligações que assinaram o acordo juntos na rua. Está de acordo com o volume ser limitado dos carro-de-som e que vão fazer uma reunião para orientar a propaganda, mas disse que vai continuar sem fazer o a acordo.
A Sra. Ione Maria Soares de Carvalho da Força da Mudança de Abaré informou que o candidato a vereador Caçulo (de número 11111) foi indeferido o seu registro. No entanto, está usando o número do candidato João Bernardo Neto da Coligação A Força do Povo.

Foi explicado que o candidato embora tenha sido indeferido, poderá fazer a campanha, por sua conta e risco. Quanto ao mesmo número foi orientada a fazer formalmente o pedido ao Juiz Eleitoral.

Rodelas:

Foi lida a ata da reunião anterior. Segundo o candidato Dipêta está muito ruim a propaganda e a população sonora. não está satisfeito com o som e exemplificou que na semana anterior iria ter um grande problema por causa de som, um grupo aumentou e o outro grupo aumentou mais ainda. Segundo o mesmo, ainda que tenham muitos candidatos, deve haver o revezamento, é o seu pedido.
O Sr. Luciano representante da Coligação os vermelhos e a vitória do povo afirmaram que o problema do som houve com carros particulares, e que não é só por política. Mas que a política precisa ser mais rigorosa com os carros, entendendo que as polícias devem ser mais rígidas no dia-a-dia da cidade.

Mas as Coligações decidiram fazer acordo e fizeram nessa data, o que melhorará bastante o trabalho. Os representantes das Coligações explicaram que será muito importante a entrega dos títulos nos municípios para facilitar os trabalhos. Sugeriram que peçam ajuda aos funcionários do Fórum de Abaré e apoio as prefeituras com o transporte. Informaram que sempre foi feito.

Macururé:

Foi explicitado pelo Sr.Hudson da Coligação Unidos para o Progresso, que no dia da carreata ficaram impedidos de fazer a propaganda em algumas ruas da cidade. Que durante esse dia da carreata foi preso por desacato e a moto apreendida por prejudicar a propaganda da Coligação. Informaram que tem um policial que pediu afastamento para trabalhar na Campanha.
Está tendo problemas com motos com descargas, os donos tiram uma parte da descarga para ficarem barulhentas. Deverá ser buscada uma medida pelo Ministério Público quanto às descargas das motos.

As Coligações tiveram a seguinte orientação: no dia que um grupo estiver fazendo a campanha o outro não deverá ter campanha.

Por fim todos os representantes das coligações concordaram e assinaram a ata.






 

Cobertura total da reunião e fotos: radioliderdosertaofm.com

Deixe seu comentário

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário