Mistério: Mulher vai aferir a pressão arterial e desaparece no centro de Araci (BA)

04/08/2012 11:23

O fato está comovendo as pessoas que já pregam cartazes nas ruas, postam comentários nas redes sociais

 

Laliane Matos de Lima, de 30 anos, casada e mãe de um filho, residente na cidade de Coité, desapareceu na manhã da última quarta-feira (01) no centro da cidade de Araci. As informações dão conta que Lali – como era conhecida, estava em Araci substituindo uma funcionária de uma das lojas da rede Ótica Brilhante – situada na Praça da Conceição. Ela trabalhava na mesma rede, porém em Coité. Em Araci, estava hospedada numa pousada na praça e na manhã do dia primeiro fechou a conta da hospedaria e levou todo sua bagagem para a loja – pretendia voltar para sua casa, em Coité, na tarde do mesmo dia com o dono da rede de óticas, Sinésio.

Mas algo misterioso aconteceu por volta das 10 horas quando Lali fechou o estabelecimento, deu as chaves para uma vizinha afirmando que não estava se sentindo bem, e por isso, iria a uma farmácia aferir a pressão arterial e foi a partir deste momento que ela nunca mais foi vista.

O dono da loja contou que estranhou quando chegou à loja por volta das 11 horas e encontrou as portas fechadas. Recebeu o recado da vizinha que estava com as chaves da ótica e notou que o fato era grave. “Já acionamos a polícia imediatamente, mas até agora nenhuma notícia” – o empresário afirma ainda que ela não levou nenhum documento e nem roupa e até mesmo o celular ficou no local de trabalho.

A reportagem do site portal folha esteve em todas as farmácias da praça e em nenhuma delas recebeu a visita da desaparecida e nem mesmo aferiu a pressão de ninguém naquele intervalo de horas.

O fato está comovendo as pessoas que já pregam cartazes nas ruas, postam comentários nas redes sociais e intriga as autoridades policiais.

Fonte portalfolha.com

Tem visto essa mulher depois do dia 1º? Deixe seu comentário

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário