Mulher abre barriga de grávida com uma lâmina para roubar bebê

27/09/2012 09:50

 


 
A Polícia Civil do Amazonas prendeu nesta terça-feira uma mulher acusada de ter aberto a barriga de uma grávida para tentar roubar o bebê em Manaus. O crime cometido pela empregada doméstica Dayana Pires dos Santos, 21 anos, causou espanto até entre os policiais que trabalharam no caso. Ela teria dominado Odete Pego Barreto, 22 anos, atingindo-a com uma tábua de cortar carne. Depois abriu a barriga de Odete, grávida de nove meses, usando uma lâmina de barbear, retirando o bebê, numa cesariana forçada. O caso aconteceu na residência de Dayana, localizada no bairro Mauazinho, zona sul de Manaus.

Segundo a polícia, a doméstica premeditou o crime. A mãe está internada em estado grave no Hospital João Lúcio, na zona leste da capital do Amazonas. Dayana foi presa ainda em flagrante e o bebê está internado no mesmo hospital, mas não corre risco de vida.
De acordo com informações da polícia, Dayana confessou que tentou tirar o filho da vítima à força porque "teve medo de perder o marido" depois que descobriu não estar grávida. Ela teria conhecido Odete ainda nas consultas de pré-natal realizadas em uma unidade de saúde localizada no bairro onde mora. "Ela disse que estava com mais de seis meses e que não tinha enxoval. 
 
Falei para ir até minha casa que eu daria o que tinha comprado", disse Dayana durante seu depoimento à polícia. Ela explicou como fez a cesariana à força. "Eu bati na cabeça dela com uma tábua de cortar carne. Ela caiu e eu usei uma lâmina de barbear para fazer o parto", confessou Dayana. O marido de Dayana, José Lira de Oliveira, 32 anos, informou à polícia que acreditou na gravidez da esposa "porque ela apresentava uma barriga grande". Odete foi encontrada por uma vizinha, que entrou na casa procurando roupas para levar à maternidade. A vítima estava nos fundos da casa coberta por papelão.
 
Fonte: Terra

 

Deixe seu comentário

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário