UNEB de Euclides da Cunha ganha curso de Engenharia Agrônoma

01/05/2012 21:53

Por Assessoria de Comunicação da UNEB XXII / Texto Complementar e Edição: Jaciel Correia em 29/04/1212 07:59:38, lido 402 vezes.

Em uma cerimônia realizada na tarde da última sexta-feira do mês de abril, 27, o departamento da UNEB em Euclides da Cunha anunciou o seu novo curso: Engenharia Agrônoma. Em menos de 10 anos da instalação do Campus na cidade, a universidade terá a disposição um dos cursos mais importantes de sustentabilidade de produção para a região do semiárido baiano.

A cerimônia, organizada pela diretora do departamento Profª. Ivete Teixeira junto ao corpo docente e administrativo, contou com a presença de lideranças da rede Uneb, bem como o reitor Lourisvaldo Valentim da Silva, a Pró-Reitora Adriana dos Santos Marmori Lima, o Pró- Reitor Luis Paulo de Almeida Neiva, o Coordenador Geral de Curso à Distância Profº Silvar Ferreira Ribeiro, o Coordenador do Colegiado Prof. Edson Barreto Lima, a Coordenadora do NUPE Prof.ª Miriam Barreto de Almeida Passos, a prefeita municipal Fátima Nunes, a deputada estadual Fátima Nunes, a Secretária Municipal de Educação Maria Auxiliadora Moura, visitantes, docentes da instituição, além de outras lideranças políticas da região circunvizinha e a digna presença de alunos e ex-alunos do departamento local.

O novo curso foi aprovado por unanimidade pelo conselho deliberativo da rede universitária estadual (UNEB I) no dia 23 de abril, na qual, a Profª. Ivete Teixeira, diretora do departamento de Euclides da Cunha foi pessoalmente a capital baiana para acompanhar o resultado.

Por conta da sua importância, enquanto cidade pólo do semiárido, o município de Euclides da Cunha foi contemplado em 2003 com o campus da Universidade do Estado da Bahia – UNEB, contendo o Departamento de Ciências Humanas e Tecnologias – DCHT – Campus XXII.

Enquanto instituição de ensino superior, esse Departamento tem sob a sua responsabilidade o funcionamento dos seguintes curso e gerenciamento das atividades permanentes, a saber:

• Curso de Letras (Presencial).
• Especialização em Estudos Literários e Lingüística Aplicada ao Ensino (Presencial).
• Pedagogia (Plataforma Freira).
• Educação Física (Plataforma Freire).
• Matemática (EAD).
• História (EAD).
• Química (EAD).         
• Geografia (EAD).
• Educação Física (EAD).
• Especialização em Educação à Distância (EAD).
• Universidade Aberta à Terceira Idade (presencial).
• Parque Estadual de Canudos e Memorial Antonio Conselheiro.
• Curso de Engenharia Agrônoma (Implantação).

O Departamento funciona em dois prédios cedidos pela Prefeitura Municipal de Euclides da Cunha, através do convênio nº. 032/2004 celebrado com a UNEB.

É importante destacar que em 2008, o Curso de Letras oferecido no DCHT – XXII participou do ENADE, obtendo o resultado 4, indicativo de ponto forte, dentro dos conceitos e de cada conjunto das dimensões avaliadas. Além disso, esse exame visa, sobretudo, avaliar o desempenho dos estudantes em relação aos conteúdos programáticos previstos nas Diretrizes Curriculares Nacionais – DCNs do curso, como também suas habilidades e competências a ele relacionadas.

Assim, no que tange a melhoria do ensino, da extensão e da pesquisa o DCHT – Campus XXII – desta “Região Pólo” do Estado da Bahia tem implementado esforços, assegurando aos sujeitos envolvidos no processo ensino-aprendizagem o respeito a diversidade cultural, por entender que este constitui um dos principais pilares de uma política pedagógica séria e de qualidade, buscando aceitar com respeito às diferenças.

Além de atender aos estudantes de Euclides da Cunha, o campus recebe alunos dos municípios de: Tucano, Jorro(Distrito de Tucano), Quijinque, Cansanção, Monte Santo, Ribeira do Pombal, Banzaê, Cícero Dantas, Canudos, Uauá, Serrinha, Feira de Santana, Jeremoabo e Araci.

Dessa forma, a UNEB assinala um novo olhar sobre a região. Se no primeiro momento o curso de letras foi, e é fundamental na formação de jovens profissionais, neste segundo momento o curso de agronomia tem um olhar sobre a ciência e tecnologias aplicadas ao Desenvolvimento Sustentável da agropecuária regional e dessa forma consolidar com investimentos um importante polo tecnológico da economia dos setores primários e secundário, estimulando o Desenvolvimento social e econômico das pessoas e da paisagem.

Conforme destacou o Coordenador Geral Silvar Ribeiro, o uso das tecnologias para exercer as profissões é fundamental nos dias atuais, pois todo o processo de desenvolvimento e expansão exige meios científicos de se obter resultados. Nesse sentido, o curso de Agronomia que será implantado possibilitará um melhor aproveitamento do solo na produção de bens agrícolas na região. Vale ressaltar que curso de Engenharia Agrônoma é um dos mais requisitados em todo o país e possui uma grande carência dessa mão de obra no mercado de trabalho.

Na abertura do evento, alunos da universidade cantaram em voz e violão. Em seguida, o Major Pires, ex-aluno da Uneb XXII deu introdução ao discurso da cerimônia, sendo continuado por autoridades da universidade e do poder público, contando ainda com, grande ênfase, depoimentos de estudantes que foram qualificados pelo departamento de Euclides da Cunha.

Ao término do evento, homenagens foram realizadas aos membros participantes da banca de honra desta nova conquista, sendo representadas pelas autoridades públicas e da universidade.

 

Fonte: Euclides.com