Universidades baianas recebem notas baixas na qualidade de ensino

03/09/2012 11:10
 
As universidades baianas receberam notas baixas no critério de qualidade de ensino, conforme um levantamento da Folha, com dados de publicações acadêmicas.
A Universidade Federal da Bahia (Ufba) alcançou o 12º lugar no ranking, com destaque para a nota da qualidade de pesquisa (47,99), mas apenas 2,78 para o medidor do ensino. Já no indicador da avaliação do mercado, a Ufba recebeu 17,66.  
A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), as Universidade Estaduais de Feira de Santana (UEFS), do Sudoeste Baiano (UESB) e de Santa Cruz (UESC), zeraram o item da qualidade de ensino e ocuparam as posições 83º, 60º, 61º, 55° no ranking, respectivamente.
A UESC é a unidade baiana que recebeu a segunda melhor nota na avaliação da pesquisa, com 38,81. No mesmo item, a UESB foi avaliada com 38,7, a UEFS com 38,62 e a UFRB com 31,79.  
A estadual de Feira se destacou no aspecto do mercado, com 4,14, seguido pela instituição do sudoeste, que recebeu 2,52 e a federal do Recôncavo alcançou 0,96. Veja aqui o ranking completo.

Deixe seu comentário

Nenhum comentário foi encontrado.

Novo comentário